Comunicar

terça-feira, 22 de maio de 2018


Quantas mais não foram as vezes em que nos distanciámos de alguém por um mal entendido? Toda a gente tem um lado bom e eu sou uma forte apologista desse facto. Todos nós reagimos de certa forma por alguma razão. Todos nós gostamos ou deixamos de gostar de alguém baseando-nos em determinadas situações. E, com isto, volto a reforçar: cada um reage de determinada forma por uma ou outra razão aparente que podemos não perceber à primeira.

Não somos os únicos a ter dias bons e resplandecentes, assim como também não seremos os únicos a ter dias maus em que o mau humor nos leva a melhor e nos faz agir de cabeça quente.

Somos humanos e estamos interdependentes das relações de uns para com os outros e, consequentemente, da comunicação - descobri isto não há muito tempo, não sendo eu um ser no qual lhe foi concedido o dom de comunicar. 

Somos todos seres diferentes, com temperamentos, ideias e maneiras de ver o mundo que muitas das vezes não se assemelham. Haver um desacordo é normal, respeitar essas diferenças é algo digno de se fazer pelos outros e por nós próprios. Neste momento, algo na tua vida pode estar realmente mal, e a razão pode ser apenas falta de comunicação. As outras pessoas podem não estar a ver as coisas da mesma maneira que tu.

Mas a verdade é esta: a falar é que a gente se entende. Não basta julgar o comportamento dos demais e atirar ao ar quem está errado, ou permanecermos no nosso canto quando estamos tudo menos felizes com as atitudes dos que estão à nossa volta. Foi-nos dado o dom da fala e da racionalidade não só para dizermos baboseiras mas também para nos expressarmos da melhor forma e nos aproximarmos enquanto pessoas. E isso, acho que já é razão o suficiente para termos a coragem de chamar alguém à parte e usar a voz dizendo: precisamos de falar.

Join the conversation!

  1. Não podia ter concordado mais com este post. Tenho andado a falar com um amigo e falamos muitas vezes sobre isso. Acho que comunicar faz um bem danado e se algo nos incomoda devemos dizer à pessoa em questão, não guardar para nós e tratar a pessoa de forma diferente devido a isso. O bom é que quando fico zangada não dura mais do que 1 hora (a não ser que seja mesmo muito grave, mas em conversas com amigos é sempre rápido) e volto a falar com a pessoa normalmente porque esqueço-me o motivo da irritação ahah. Beijinhos minha querida! <3

    ResponderEliminar

Instagram

© Joana Rito | O Blog. Design by FCD.