Na estante: 13 reasons why

julho 10, 2018

You can't stop the future. You can't rewind the past. The only way to learn the secret . . . is to press play. Clay Jensen returns home from school one day to find a mysterious box with his name on it, outside his front door. Inside he discovers a series of cassette tapes recorded by Hannah Baker - his classmate and crush. Only, she committed suicide two weeks earlier. On the first tape, Hannah explains that there are 13 reasons why she did what she did - and Clay is one of them.If he listens, Clay will find out how he made the list - what he hears will change his life forever.

É incrível pensar na efemeridade das coisas. Que tudo o que tem início também tem o fim, sejam os dias, as emoções, as experiências, as pessoas. A vida. Que a morte é inevitável. Que um dia estamos cá, e no outro podemos ter ido embora. É um tema um tanto sombrio e que toda a gente se tenta desviar, mas há certas alturas na vida que é bom relembrarmo-nos disto: que todas as ações que tomamos fazem sempre alguma diferença, boa ou má. As a snowball. Que nunca sabemos o que vai na alma de alguém e de que nunca as devemos julgar. É essa a tomada de consciência que o autor Jay Asher quis transmitir aos leitores e através da tão popular série da Netflix. Um assunto que está entre nós, todos os dias, e que nos passa ao lado. Que esbarramos com ele sem querer e mal ouvimos, "peço desculpa".

Sem comentários:

Com tecnologia do Blogger.